Recode: Nokia está preparando o retorno do ano

Quando a Nokia vendeu sua divisão de hardware e serviços para a Microsoft, foi considerada por muitos livre de hardware novamente, algo em que não podíamos acreditar alguns anos atrás, quando fez grandes vendas.

Após a venda, a Nokia manteve três seções, uma que lida com redes sem fio, a seção de mapas responsável pelos mapas Here e que foi ouvida até pensando em vender, e a seção responsável pelos dispositivos Nokia.

Desde o seu lançamento pela Microsoft, ele lançou apenas o tablet Nokia N1, que foi fabricado e comercializado pelos chineses, apenas no mercado local. O fato de ainda não termos visto um smartphone é esperado, já que o acordo com a Microsoft afirma que sua marca não pode entrar em celulares até o terceiro trimestre de 2016.

As informações de re / code indicam que a Nokia permitirá 2016 com um smartphone, mas não está claro como isso será feito. Em outras palavras, ele pode projetar-se como o Nokia N1 e atribuir a construção e distribuição a um fabricante chinês novamente. Essa poderia ser uma solução bastante econômica para a Nokia, que não precisaria gastar tempo e dinheiro.

Portanto, se considerarmos o tablet Nokia N1, ele pode seguir a mesma linha de design em smartphones e colocar o cobiçado Android que seus fãs desejam há anos.

Finalmente, a mesma informação diz que a Nokia quer experimentar a realidade virtual, obviamente pensando em algum dispositivo de realidade virtual, algo que muitos fabricantes vêm fazendo ultimamente.

Leia também: A Nokia adquiriu o tablet Alcatel-LucentNokia N1Nokia-N1-Android-tablet-revelado-3