VR de papelão: o projeto do Google se torna código aberto

Google, depois de abandonar o Daydream, anunciou recentemente que o projeto cart√£o tornou-se oficialmente C√≥digo aberto. A empresa californiana, depois de observar o baixo interesse dos usu√°rios na plataforma de realidade virtual, decidiu interromper o desenvolvimento, deixando a todos os interessados ‚Äč‚Äča oportunidade de propor suas cria√ß√Ķes.

Cerca de 5 anos se passaram desde que o Google decidiu abordar a realidade virtual também. O grupo fez isso de uma maneira muito particular: um visualizador compatível com smartphone que consiste em cartão, algumas bandas de borracha, algumas lentes e ímãs comuns. Tudo foi recebido com entusiasmo pelos usuários, que se viram diante de um visualizador caseiro e para o próximo DayDream View. A ausência de aplicativos compatíveis e videogames, no entanto, diminuiu o envolvimento, de modo a pressionar o Google a abandonar o desenvolvimento de seus SDK.

Daydream Vr

A empresa nascida em Vale do Silício ele sabe que os consumidores ainda podem dar projetos interessantes e, por esse motivo, ele decidiu fazer o projeto Código aberto. Artistas e desenvolvedores poderão acessar toda a documentação, baixar o código diretamente do GitHub e crie seus próprios projetos.

O Google ainda está trabalhando muito em realidade aumentada, com experiências como Lente do Google, Navegação AR em Mapas e AR em Procurar.